segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Third Day - Born Again (nascer de novo)

Sérgio Pimenta - Quando se está só / Novidade

"Quando se está só, o silêncio é mais profundo, as noites são mais longas, o frio mais intenso. E até a própria sombra parece estar mais junta, como se soubesse quando se está só. Quando se está só, um grito é desespero, sussurro é loucura, o estalo mete medo. E a mão forte aparece e está sempre nos sonhos, eternos pesadelos quando se está só. Quando se está só, se está porque deseja, pois Ele com certeza não foge de ninguém. Deus está sempre perto, amigo, abraço aberto. Convida a ir com ele pra não mais estar só. Pra não mais estar só."

"Toda a novidade que vem no vento, ao peso da força, na rotina cai na monotonia do pensamento, que à busca de outra novidade sai. Ânsia, insatisfação, correria. Busca, experimentação, noite e dia. Achados, fugas, horas de sorte. Tristeza, sonhos negros, gosto de morte. Mais que novidade que vem no vento, pois cada momento ensinamento traz, Cristo é tudo para todo tempo. Quem nEle se encontra não procura mais."

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Casting Crowns - Until The Whole World Hears (até todo o mundo ouvir)

P.S.: Acabei de ter a curiosidade de procurar a tradução do nome da banda. "Moldando coroas". Bem sugestivo!

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

As escolas me lembrando o porquê do meu escrever

O almoço rebuscado do barroco me lembra a infância, quando pensava que fazia poesia e só rimava. O sonho romântico me faz lembrar um texto prosaico que perdeu a emoção e o rumo conforme foram passando os anos. Manuel Bandeira teria orgulho de como nunca usei métrica, embora não saiba que não era minha intenção. Parnasianos frios desdenhariam minhas palavras. Árcades desiludidos pela modernidade tecnológica se orgulhariam dos meus textos de criança sobre infrutescências fúteis. Mas eu não me prendo a opiniões que planejam consertar meus poemas porque escrevo o que me faz bem escrever e, se alguém simpatizar com o conteúdo das linhas, alegro-me, sem dúvida.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Canção e Louvor - Perto de Ti

"Não quero mais errar. Não quero mais pecar. Não quero transgredir. Só quero Te servir. Quero ser mais fiel. Quero ser verdadeiro e, no meu coração, Tu és último e primeiro.
Eu quero estar em Tua casa. O Teu poder quero sentir. Não há lugar melhor no mundo do que estar perto de Ti.
Mais perto quero estar, meu Deus, de Ti, 'inda que seja a dor que me una a Ti. Sempre hei de suplicar: mais perto quero estar, mais perto eu quero estar, meu Deus, de Ti."